Rare baba! nem sei como escrever e já uso no meu cotidiano as modas lançadas pela Tv. Tic? Ou RareBagua Andi? Risos.

        Você acha isso bobeira? Modismo? Indutivo? Chatice? “Nem a pau Juvenal”. Isso é CRIATIVIDADE.

        Criatividade essa, que simples ou não, sempre dita novas modas por tempo pré determinado. Roupas, palavras, atitudes, pensamentos. Isso é a influência que a criatividade induz.

        Mas quem dizer que não é influenciado, eu provo que esta errado. Duvido que alguma vez você não tenha dito algumas frases que já tornaram-se frases populares como “É gripe? Benegripe” ou “Um beijo do Gordo”.

        Mas devemos ser sensatos em dizer que a moda para ficar, tem que ser muito boa. Como disse, ela tem tempo pré-determinado para viver, ou seja, começa no início da novela e termina no fim dela.

        Mas enquanto isso, vamos aproveitar as novas modas; Dança indiana, Rare babas e tic’s, lenços importados e conquistas lindas, como um médico que salvou o bebê da personagem e agora quer casar com ela.

        Amores, modas e verdades. Muitas vezes prefiro a novela. Lá nos identificamos mais e não precisamos agir. O personagem faz tudo por você.

        Alias, novela e você, “Tudo a ver”, porque um dia, “vale a pena ver de novo” aquela trama que causou impacto e gerou mais de 53 pontos no ibope. Porque dizer que não assiste novela e vibra com ela, “É uma vergonha”.

Rodrigo Bianchini